Preços internacionais das carnes caem 0,9% em novembro

A queda foi puxada pelas carnes suínas e ovinas

07/12/2021

Preços internacionais das carnes caem 0,9% em novembro Preços globais das carnes cai 9% em novembro, diz a FAO (Foto: Agência Brasil)

Segundo a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), as carnes se desvalorizaram no mundo inteiro, informa o CarneTec. Entre outubro e novembro, o preço caiu 0,9%. Foi a quarta queda consecutiva na comparação mensal. Ainda assim, os preços estão 17,6% acima do preço de novembro do ano passado.

A carne suína cai pela quinta vez (mês) consecutiva. O motivo é a redução das importações pela China, mais especificamente nos países europeus. A queda mais intensa foi para a categoria dos ovinos, após forte expansão da oferta pela Austrália. .

A carne bovina se manteve estável, segundo o levantamento. Nas contas gerais, a baixas cotações no Brasil foram compensadas pelo aumento nos valores das carnes bovinas exportadas pela Austrália. 

Outra carne que manteve seu preço no mercado internacional foi a de frango. A oferta atendeu às necessidades globais. No caso do frango, existem problemas para a oferta com a dificuldade de contêineres e a gripe aviária que atinge a Europa e parte da Ásia.

Os preços internacionais das carnes são um item considerado para a confecção do índice global de alimentos da ONU. Em novembro, eles tiveram alta de 1,2% em relação a outubro, puxado pelo preço dos cereais, lácteos e açúcar.

Da Redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *