TSE lança campanha para reforçar segurança das urnas eletrônicas

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

16/08/2021

Em meio à escalada de ataques do presidente Jair Bolsonaro, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou, nesta segunda-feira, uma campanha para reforçar a segurança das urnas eletrônicas.

A Justiça Eleitoral escolheu como garota propaganda a escritora Djamila Ribeiro. As peças serão veiculadas na rádio e na TV, além das redes sociais.

O slogan “Urna Eletrônica: é segura, é fácil de checar, é do Brasil” tem o objetivo de demonstrar que o “voto eletrônico é seguro, transparente e plenamente auditável”.

As peças irão ressaltar diversos aspectos, como o fato de a urna eletrônica não ter conexão com a internet, o que impede ataques de hackers. Também vão mostrar os diferentes procedimentos de auditoria que podem ser feitos no sistema eletrônico de votação. Além disso, a propaganda vai reforçar o discurso de que nunca houve fraudes nas urnas, que são usadas há 25 anos.

Segundo o TSE, a campanha não teve custo para os cofres públicos, pois Djamila Ribeiro não cobrou cachê e as emissoras vão ceder espaços gratuitamente, por se tratar de iniciativa de interesse público.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *