Boi gordo: mercado calmo e com poucos negócios

Levantamento mostra que o mês de outubro começou com os mesmos preços e problemas de setembro

05/10/2021

Boi gordo: mercado calmo e com poucos negócios Coluna de estreia fala sobre Mercado de carne bovina e ausência da China (Foto: Pixabay)

Segunda-feira (3) os frigoríficos abateram apenas o suficiente para atender a demanda do mercado interno, que continua retraído, e a espera da solução do impasse com a China provocado pelos dois casos atípicos da doença da vaca louca.

Protocolo fitossanitário assinado entre os dois países suspende a exportação de qualquer produto agropecuário se ele estiver com alguma doença. Foi assinado em 2019 após um primeiro caso isolado da doença. Em 2021 foram 2 casos.

Balanço da pesquisa dia-a-dia feita pela Scot mostrou que em setembro o preço da arroba do boi gordo caiu R$ 17,00 no estado de São Paulo, seguido de queda para vacas e novilhas gordas. Perderam R$ 14,50 e R$ 14,00, respectivamente no período.

Mesmo com poucos negócios o preço da arroba do boi gordo no mercado paulista ficou estável e foi comercializada a R$ 293,00. Vacas a R$ 277,00 e novilhas gordas a R$ 277,00.

Até 7 de outubro da China vive um feriado prolongado. Portanto, a expectativa é que o impasse entre os dois países por causa dos casos da doença e da suspensão das exportações, se resolva apenas após as festas.

Da Redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *