Vendas pendentes de casas nos EUA caem 1,8% em julho e contrariam projeções

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

30/08/2021

As vendas pendentes de imóveis residenciais caíram em 1,8% em julho, de acordo com dados divulgados nesta segunda-feira pela Associação Nacional dos Corretores Imobiliários (NAR). O resultado contraria a expectativa de alguns economistas, de alta de 0,5% no período.

O indicador ficou em 110,7 pontos em julho, baixa de 8,5% na comparação com o mesmo mês de 2020. Uma leitura de 100 pontos é equivalente ao nível de atividade anotado em 2001.

“O mercado pode estar começando a esfriar um pouco, mas no momento ainda não há oferta suficiente de casas para suprir a demanda de compradores em potencial”, disse Lawrence Yun, economista-chefe da NAR. “Isso dito, os inventários estão crescendo lentamente, e os compradores devem começar a ter mais opções nos próximos meses.”

Categorias:

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *