Tereza Cristina está no Canadá para tratar do aumento da exportação de potássio para o Brasil

Desde domingo (13) ela se reúne com presidentes de empresas produtoras e exportadoras de potássio instaladas no país, além de representantes do governo canadense.

14/03/2022

Tereza Cristina está no Canadá para tratar do aumento da exportação de potássio para o Brasil Foto: Divulgação

O governo federal afirma que o Brasil tem fertilizantes para a atual safra. Para garantir o abastecimento a partir de outubro, a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, viajou ao Canadá sábado (12) para conversar com o governo daquele país e com empresários do ramo. Ela busca aumentar a atual importação do produto. O Canadá é o maior produtor mundial de potássio, matéria prima para parte significativa dos fertilizantes utilizados no Brasil. O país detém 33% da produção mundial.

Tereza Cristina vai investir nas tratativas com a iniciativa privada e facilitar as vendas ao Brasil. “A viagem é para conversar com canadenses para ver se conseguimos uma quantidade maior do que eles já nos mandam, para suprir esses possíveis gargalos de fornecimento que a gente possa vir a ter, devido ao conflito entre a Rússia e a Ucrânia”, explicou. O Brasil iniciou reuniões por videoconferências com a associação que reúne exportadores canadenses.

No domingo (13) ela se reuniu com presidentes de empresas produtoras e exportadoras de potássio instaladas no país, além de representantes do governo canadense. Ela também conversou com a diretoria da Brasil Potash. Nesta segunda-feira (14), está previsto um encontro com o vice-ministro da Agricultura do Canadá, Paul Samson e com os presidentes das empresas Gensource, Nutrien, Canpotex e Fertilizer Canada. Logo após, ela retorna ao Brasil e deve chegar na terça-feira (15).

Em fevereiro, a ministra viajou ao Irã, negociando o aumento de exportações de fertilizantes para o Brasil. Na semana passada ela recebeu em Brasília representantes de países árabes para debater a possibilidade de aumentar a exportação de fertilizantes para o Brasil. Atualmente, o Brasil é o quarto consumidor global de fertilizantes, responsável por cerca de 8% deste volume e é o maior importador mundial. O Brasil importa cerca de 85% de todo o fertilizante usado na produção agrícola nacional. No caso do potássio, o percentual importado é de cerca de 95%.

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.