PIB da Rússia cresce 10,3% no segundo trimestre e recupera nível pré-covid

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

13/08/2021

A economia da Rússia cresceu 10,3% no segundo trimestre em relação ao ano anterior e voltou ao nível registrado antes da pandemia de covid-19, de acordo com dados oficiais divulgados nesta sexta-feira.

Este foi o melhor resultado trimestral da Rússia desde 2000, de acordo com o Serviço Federal de Estatísticas. A forte alta também está relacionada à base de comparação mais baixa, já que a economia do país foi afetada entre abril e maio do ano passado por causa das restrições impostas para conter o vírus.

O número de casos e mortes por covid-19 na Rússia voltou a subir nas últimas semanas. Hoje, o país registrou mais 815 óbitos relacionados à doença, um recorde desde o início da pandemia. Mas apesar da nova onda, o Kremlin não decretou um novo “lockdown” como fez em 2020.

O resultado foi melhor do que o previsto por analistas ouvidos pela agência Bloomberg, que esperavam um crescimento de 10% do Produto Interno Bruto (PIB) russo no segundo trimestre.

O Morgan Stanley revisou nesta semana sua previsão para o crescimento do PIB russo para 4,6% em 2021 e 3,2% em 2022. O banco citou “surpresas positivas” nos dados sobre a economia do país e melhores expectativas para o preço do petróleo no mercado internacional.

Categorias:

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

code