Nos EUA, lucro da Pilgrim’s Pride aumenta 180% no 1º trimestre, para US$ 280,4 mi

28/04/2022

São Paulo, 28/04/2022 – A processadora norte-americana de carne de frango Pilgrim’s Pride, controlada pela brasileira JBS, obteve lucro líquido de US$ 280,4 milhões, ou US$ 1,15 por ação, no primeiro trimestre deste ano, informou a companhia em relatório. O resultado representa aumento de 179,8% ante igual período do ano passado, quando a empresa lucrou US$ 100,2 milhões, ou US$ 0,41 por ação. Em termos ajustados, o lucro foi de US$ 287,2 milhões, ou US$ 1,18 por ação, ante US$ 103,05 milhões, ou US$ 0,42 por ação, um ano antes.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado aumentou 97,7%, para US$ 501,8 milhões. A margem Ebitda ajustado cresceu 4 pontos porcentuais, passando de 7,8% para 11,8%. A receita líquida teve crescimento de 29,5%, para US$ 4,24 bilhões.

Nos Estados Unidos, as vendas líquidas aumentaram 29,1%, para US$ 2,58 bilhões. Em comunicado, o CEO da Pilgrim’s, Fabio Sandri, disse que a demanda no varejo nos EUA permaneceu estável durante o primeiro trimestre e que o segmento de food service se recuperou para níveis anteriores à pandemia de covid-19. O executivo destacou também que a demanda do consumidor permaneceu resiliente apesar da inflação.

A receita líquida no México aumentou 11,47%, para US$ 467,2 milhões, com demanda acima da expectativa. “Continuamos crescendo no México, principalmente em nossas linhas de produtos de marca, enquanto a lucratividade seguiu a sazonalidade normal do negócio.”

Na Europa e no Reino Unido, a receita líquida cresceu 39,5%, para US$ 1,19 bilhão. Apesar disso, a Pilgrim’s disse que o negócio foi fortemente afetado por escassez de mão de obra, custos mais altos de insumos e inflação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.