Não estamos retirando estímulos, mas apenas recalibrando, diz presidente do BCE

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

09/09/2021

A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, disse que a redução no ritmo de compras de títulos anunciado nesta quinta-feira (09) pela autoridade monetária europeia não representa o início do processo de retirada de estímulos monetários, mas apenas uma “recalibragem” do Programa de Compras de Emergência para a Pandemia (PEPP).

“Adiar os estímulos não é o mesmo que retirar estímulos”, disse Lagarde, esclarecendo que o BCE está apenas reduzindo o ritmo de compras neste momento e que não apenas o montante total do PEPP ainda está disponível para uso, como o BCE está disposto a aumentar o volume se isso se mostrar necessário para manter as condições financeiras favoráveis.

A banqueira central reiterou mais uma vez que as pressões inflacionárias na zona do euro se devem em grande parte a fatores transitórios, como os efeitos da base deprimida de comparação e os preços de elementos como o petróleo, além dos efeitos da reabertura econômica no continente.

O BCE revisou para cima a projeção de inflação para este ano a 2,2%, acima da meta de preços de 2%, de 1,9% da leitura anterior. Lagarde apontou, porém, que as perspectivas de preços ainda estão abaixo da meta no médio e longo prazo, com os economistas do BCE esperando inflação de 1,7% em 2022 e de 1,5% em 2023.

A presidente do BCE disse que espera que os gargalos de oferta de máquinas e materiais “comecem a se dissipar no início de 2022”, mas que os economistas da instituição seguem atentos à possibilidade de que este salto inicial de preços alimente aumentos salariais, o que poderia levar a uma inflação mais persistente.

Lagarde disse também que a decisão de reduzir o ritmo de compras de títulos foi unânime, e que “ainda estamos bem distantes de encerrar as compras de títulos e elevar os juros”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *