Mourão classifica Febraban e Fiesp como “pilares da nossa civilização”

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

30/08/2021

Diante da mobilização de banqueiros e empresários para elaboração de um documento em defesa da democracia e do equilíbrio entre os Poderes da República, o vice-presidente Hamilton Mourão classificou hoje a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) como “pilares da nossa civilização“. As entidades encabeçam a iniciativa do manifesto.

“A Febraban, mais a Fiesp, que estão liderando esse movimento, são daquelas que eu considero o pilar da nossa civilização. São entidades da sociedade civil, com representatividade, e que consequentemente elas têm que sempre fazer valer às pessoas que foram eleitas por eles, o pensamento deles e as necessidades para que haja uma harmonia maior, vamos dizer, e uma comunhão de esforços e interesses entre os encarregados de governar, legislar, e o restante da nação”, afirmou Mourão a jornalistas, no Palácio do Planalto.

O manifesto ainda não foi lançado por divergências internas e pela reação do governo, inclusive com ameaça de Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil desfiliação da Febraban.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *