Minério de ferro tem queda de 2,7% no porto de Qingdao

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

23/08/2021

Os preços do minério de ferro iniciaram a semana em queda no mercado à vista, devolvendo parte dos ganhos vistos na sexta-feira e dando sequência à correção vista nas últimas semanas.

Desde a máxima histórica de cerca de US$ 237 por tonelada vista em maio, a desvalorização supera 42%.

De acordo com a publicação especializada Fastmarkets MB, o minério com teor de 62% de ferro recuou 2,7%, para US$ 136,71 por tonelada.

Dessa forma, em agosto, a principal matéria-prima do aço acumula desvalorização de 24,7%. No ano, as perdas chegam a 14,8%.

A queda da demanda global, que já começou a se materializar com a redução da produção de aço na China, e o aumento dos custos com carvão siderúrgico pesaram sobre as cotações da commodity.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *