Milho: baixa oferta do grão impacta em importação e preço

Levantamento do site MoneyTimes, as importações “mais do que dobraram” em 2021

08/09/2021

Milho: baixa oferta do grão impacta em importação e preço Preço do milho está em queda com preços diferentes em todas as regiões do Brasil. (Foto: Agência Brasil)

As importações de milho aumentaram muito em 2021 na comparação com o mesmo período de 2020. Por outro lado, começa a exportação do milho safrinha colhido no Brasil.

Segundo o site MoneyTimes, apenas nos primeiros 3 dias úteis de setembro importamos 65,7 mil toneladas contra 147 mil toneladas nos 30 dias de setembro do ano passado. Até hoje, o Brasil comprou 1,3 milhão de toneladas.

A expectativa do mercado é que as importações de milho aumentem. Segundo o analista Vlamir Brandalizze, compradores têm grandes contratos de compra do produto da Argentina.

Esse cenário se dá por falta do produto brasileiro, que é grande. Esse fator abriu as portas do milho importado e do aumento dos preços, mesmo com o câmbio desfavorável.

Outro fator que deu impulso às importações foi a redução para 8% nos impostos do produto vindo de países que não pertencem ao Mercosul, velha reivindicação das empresas do setor.

Da Redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *