Johnson admite que negociações para acordo comercial do Reino Unido com os EUA estão travadas

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

22/09/2021

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, admitiu nesta quarta-feira que as negociações de um acordo comercial pós-Brexit com os Estados Unidos estão travadas. “O governo [Joe] Biden não está fazendo acordos de livre-comércio agora, mas tenho absoluta confiança de que há muito a ser feito”, disse em uma entrevista.

Johnson e outros defensores do Brexit usaram um possível acordo comercial com os EUA como um dos principais argumentos favoráveis à saída britânica da União Europeia (UE). Mas, ao contrário de Donald Trump, Biden mostrou pouco interesse em negociá-lo, em parte por causa de sua preocupação com a situação da Irlanda do Norte.

Na terça-feira, Biden recebeu Johnson na Casa Branca questionou-o sobre as intenções do governo britânico de renegociar o acordo com a UE para concluir o processo do Brexit. Sob esse acordo, Reino Unido e UE definiram um protocolo para evitar a volta de uma fronteira rígida entre a Irlanda do Norte, parte do território britânico, e a Irlanda, membro do bloco europeu.

O retorno de uma fronteira rígida entre os dois países reverteria uma das principais conquistas do acordo de paz entre as Irlandas. Biden, que tem descendência irlandesa, disse ao colega britânico que muitos republicanos concordam com sua posição sobre o tema.

Após o Brexit, o Reino Unido tem buscado reorientar suas parcerias comerciais e buscar outros aliados longe da Europa. Johnson solicitou, por exemplo, adesão ao Acordo Abrangente e Progressivo para a Parceria Transpacífica (CPTPP, na sigla em inglês).

Nos últimos dias, a imprensa britânica noticiou que Johnson pode pedir a entrada do Reino Unido no USMCA, o acordo comercial recentemente negociado entre EUA, Canadá e México.

Categorias:

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *