IGP-M acumula alta de 6,98% no ano e de 14,66% em 12 meses

Os dados foram divulgados pela Fundação Getulio Vargas.

28/04/2022

IGP-M acumula alta de 6,98% no ano e de 14,66% em 12 meses Inflação medida pelo IGP-M cai, segundo o Fundação Getullio Vargas (Foto: Agência Brasil)

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) ficou menor em abril do que em março deste ano: 1,41% contra 1,74% (registrado em março). O índice acumulado nos quatro meses de 2022 é de 6,98%. Nos últimos 12 meses, o IGP-M está em 14,66%. Em abril de 2021, o índice foi de 1,51%, e no ano, chegou a 32,02%.

Para André Braz, Coordenador do Índice de Preços da FGV, a análise da Fundação é que “importantes commodities agrícolas contribuíram para o arrefecimento da inflação ao produtor cuja variação passou de 2,07% em março para 1,45% em abril. Soja, milho e café, grãos que respondem por 13% do IPA, apresentaram queda média de 7,3% e contribuíram para o recuo de 1 ponto percentual na taxa do IPA. A desaceleração só não foi mais expressiva, dado o aumento dos preços do Diesel (14,70%), da gasolina (11,29%) e dos adubos/fertilizantes (10,45%), que responderam por 60% da inflação ao produtor.”

Da Redação, com FGV.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.