Ibovespa sobe e marca 110 mil pontos após fala conjunta de Lira, Pacheco e Guedes

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

21/09/2021

O pregão de estabilização nos mercados globais abre espaço para uma retirada pontual do prêmio de risco nas ações brasileiras, que operam em alta nesta terça-feira. Os ativos locais ganharam impulso após a reunião entre o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG) e do ministro da Economia, Paulo Guedes.

Com a sinalização positiva emitida pelos líderes na busca de uma solução para o problema do pagamento dos precatórios, o Ibovespa se firmou acima dos 110 mil pontos. Às 16h12, o Ibovespa aumentava 1,27%, aos 110.229 pontos.

Lira reafirmou que a solução para o pagamento dos precatórios irá respeitar o teto de gastos e abrir espaço para o novo programa social do governo no Orçamento, o Auxílio Brasil. “Temos que acertar agora os procedimentos, tem reunião com os líderes da base e um almoço com a oposição”, declarou o presidente da Câmara.

Pacheco, por sua vez, afirmou que a ideia é buscar “alternativas para a liquidação” dos precatórios. A ideia é limitar o pagamento de sentenças judiciais ao valor pago em 2016 (ano de criação do teto), o que daria perto de R$ 40 bilhões. O volume total a ser pago no ano que vem, se não houver parcelamento, é de R$ 89 bilhões.

“Acho que não tem muito conteúdo novo. Mas, Guedes, Lira e Pacheco fizeram um discurso alinhado e só de estarem ali, tentando fazer um plano, mostra que o Governo não deve continuar esticando a corda e que eles realmente precisam trabalhar juntos. Então a sinalização é boa, obviamente”, afirmou o gestor de portfólio da Lifetime Investimentos, Alex Lima.

Segundo ele, vale ressaltar que outros fatores vêm pressionando as ações locais, como os ruídos políticos criados pelo próprio Palácio do Planalto. “Depois da carta do Bolsonaro eu acho que uma sangria foi estancada, mas você ainda precisa de uma transfusão. Acho que a sinalização de hoje gera uma melhora marginal, mas não resolve muitos problemas. A bolsa está subindo 1,5%, mas isso é apenas um alívio depois do tropeço de ontem”, acrescenta.

De acordo com Lima, a bolsa está barata, mas é a incerteza em relação ao crescimento dos lucros, diante das expectativas negativas para o desempenho do Produto Interno Bruto (PIB) em 2022, que vem travando um movimento mais otimista no mercado local de renda variável.

“Na casa dos 130 mil pontos, existe uma estimativa implícita de crescimento de lucros em linha com a média, de 16% ao ano nos próximos dois anos. A 110 mil pontos, essa expectativa é de 5%. Acho que tem ‘upside’. Nos últimos 10 anos, a bolsa bateu esse nível de valuation seis vezes e em todas elas, nos 12 meses seguintes, os retornos foram superiores a 20%”, afirma.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *