Exportações brasileiras de carne devem cair até 4% em 2021

A estimativa é do relatório do Rabobank, instituição especializada em fomento do agronegócio

30/11/2021

Exportações brasileiras de carne devem cair até 4% em 2021 Exortações brasileiras de carne devem cair 4% em 2021 (Foto: Divulgação)

Relatório do Rabobank, especializado em fomento do agronegócio, anunciou em relatório divulgado nesta segunda-feira (29), que as exportações de carne brasileiras devem cair entre 3% e 4% em 2021 na comparação com 2020. O banco havia previsto num primeiro momento, queda de 2%.

Para o banco, os reflexos negativos com a suspensão das importações pela China dois meses após a imposição da medida, por causa de dois casos atípicos de Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB), mais conhecida como doença da vaca louca.

Para o Rabobank, “as expectativas ainda são positivas para uma retomada das exportações, mas a suspensão em vigor tem deixado o setor produtivo cada vez mais apreensivo”, anota.

O mercado doméstico tem acompanhado esse movimento. Os preços no atacado cresceram no primeiro semestre, mas depois da suspensão das exportações para a China e com excesso de matéria-prima, começaram a cair na mesma proporção que o gado vivo.

A notícia ruim continua para 2022, quando o banco prevê uma queda de 4% a 5% no consumo da carne brasileira. A produção, ainda segundo a instituição financeira, vai cair 3,5%, após forte retenção do gado.

 

Da Redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *