EUA estão consultando aliados sobre adiar saída do Afeganistão, diz assessor de Biden

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

23/08/2021

O conselheiro de Segurança Nacional dos EUA, Jake Sullivan, afirmou nesta segunda-feira (23) que a Casa Branca está consultando países aliados sobre a possibilidade de adiar a saída das tropas americanas do Afeganistão.

  • Leia mais: Racha democrata ameaça a agenda econômica de Biden

Sullivan desconversou quando questionado sobre qual será a decisão do presidente dos EUA, Joe Biden, sobre a manutenção de militares americanos no Afeganistão além de 31 de agosto, um tema que será discutido pelos líderes dos países do G7 em uma reunião de cúpula nesta terça-feira (24).

  • Leia mais: Talibã faz ameaças em meio às discussões para prorrogar missão de retirada de civis

As declarações do assessor de Biden ocorrem depois de vários veículos de imprensa terem revelado que o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, anfitrião do encontro do G7, pediu ao presidente americano para adiar a retirada.

  • Leia mais: Com Afeganistão e pandemia, aprovação de Biden fica abaixo de 50% pela 1ª vez

Biden e Johnson conversaram sobre o assunto por telefone nesta hoje. Mas o resumo da ligação divulgado pela Casa Branca diz apenas que EUA e Reino Unido estão comprometidos em lidar com a situação de maneira coordenada.

Sullivan também disse que funcionários do governo americano estão em contato diário com representantes do Talibã, que mais cedo afirmou que não permitirá a extensão do prazo para a saída das forças ocidentais do Afeganistão.

Categorias:

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *