IBGE estima uma safra de 258,9 milhões de toneladas para cereais, leguminosas e oleaginosas

Os dados são do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA).

08/04/2022

IBGE estima uma safra de 258,9 milhões de toneladas para cereais, leguminosas e oleaginosas Na ONU, Brasil defende livre comércio para a segurança alimentar. (Foto: Agência Brasil)

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) anunciou nesta quinta-feira (7) que o Brasil terá uma produção de 258,9 milhões de toneladas de cereais, leguminosas e oleaginosas em 2022. É 2,3% maior do que a obtida em 2021, ou 5,7 milhões de toneladas a mais do que em 2021. Em fevereiro o IBGE havia estimado uma safra maior, que seria de 261,5 milhões de toneladas. As informações são do site Safras & Mercado.

O Instituto acredita que a safra vai bater o recorde de 2020, quando ela chegou a 255,4 milhões de toneladas colhidas. O Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) informa que a área com produção a ser colhida é de 71,8 milhões de hectares, ou seja 4,7% (3,2 milhões de hectares) maior que a de 2021. Também supera a previsão feita para 2022 em 0,8%, o que significa 555,6 mil hectares.

Os três principais produtos a serem colhidos são o arroz, o milho e a soja. Juntos, nesse grupo, são 92,2% da estimativa da produção e 87,7% de toda a área a ser colhida. Um crescimento de 8,3% em relação a 2021 na área do milho (crescendo 6,9% na primeira safra e 8,8% na segunda), 11,1% na área do algodão e de 3,8% na da soja.

Arroz perde 1,2% de área e o trigo, 2,9%.

Safras & Mercado diz esperar que “a produção de soja totalize 116,2 milhões de toneladas, com redução de 13,9% em relação ao produzido no ano passado. A produção do milho foi estimada em 111,9 milhões de toneladas, com crescimento de 27,4% em relação a 2021. Já a estimativa de produção do arroz foi de 10,7 milhões de toneladas, queda de 8,0% frente ao produzido no ano passado.”.

O site especializado informa que “informações são do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA)” divulgadas pelo IBGE.

Nesta quinta-feira, a Conab, com um método de pesquisa que não pode ser comparado ao do IBGE, indicava que a produção de grãos da safra 2021/2022 será de 269,12 milhões de toneladas.

 

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.