Dólar tem queda expressiva e testa patamar de R$ 5,25

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

24/08/2021

O dólar comercial segue buscando novas mínimas na tarde desta terça-feira, acompanhando o bom desempenho dos demais ativos domésticos. Pouco antes de 16h30, a moeda americana cedia 2,29%, a R$ 5,2571, perto da mínima intradiária de R$ 5,2481.

Os demais pares emergentes também seguem acelerando ganhos na sessão. Contra os pares desenvolvidos, o dólar também devolve ganhos recentes. O índice DXY da ICE cedia 0,07%, aos 92,89 pontos.

O exterior mais propício ao risco e o alívio relativo com a distensão das questões políticas locais ajuda o risco-país medido pelo Credit Default Swap (CDS) do Brasil continuar em trajetória de queda. Após tocar 191 pontos na sexta-feira – o maior patamar desde 22 de abril -, o spread do contrato de 5 anos do contrato caía a 185 pontos no início desta tarde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *