Destaque na CPI, Alessandro Vieira lança pré-candidatura à Presidência

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

30/08/2021

Um dos senadores que mais se destacaram nas sessões Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, Alessandro Vieira (Cidadania-SE) resolveu se lançar como pré-candidato à Presidência da República.

Vieira é delegado de polícia e ficou conhecido pela forma direta com que interroga os depoentes da CPI. A intenção dele é colocar seu nome à disposição dentro do rol de pré-candidaturas para a formação de uma chamada “terceira via”, alternativa às candidaturas do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

“Depois de pensar muito, decidi colocar meu nome à disposição do Cidadania como pré-candidato à Presidência. Pelo que tenho visto, nas movimentações de partidos, parlamentares e movimentos de renovação, estamos ficando pra trás no processo de construção da terceira via. Não vamos nos omitir e fortalecer a polarização”, disse Vieira em mensagem ao partido.

Eleito ao Senado em 2018, ele afirmou à época que votou em Bolsonaro no segundo turno, mas sem expressar apoio.

Vieira se tornou um crítico do governo e recentemente apresentou requerimento para criar uma nova CPI, a funcionar após a CPI da Covid, dedicada a investigar suposta apropriação indevida de salários de assessores de Bolsonaro na Câmara de 1991 a 2018, período em que ele foi deputado federal. A prática é conhecida como “rachadinha”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *