Defasagem dos preços da gasolina diminui, mas do diesel se mantém, aponta Abicom

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

21/09/2021

Os preços da gasolina praticados pela Petrobras no mercado brasileiro hoje têm uma defasagem média de 6% em relação aos preços internacionais, apontou levantamento da Associação Brasileira de Importadores de Combustíveis (Abicom).

  • Leia mais: Fim da fidelidade nos postos e venda direta de etanol não baixam preços, afirmam associações

A defasagem caiu em relação à sexta-feira (17), quando estava estimada em 9%, devido à redução da gasolina no mercado internacional nos últimos dias. Assim, atualmente os preços nacionais estão abaixo da paridade em R$ 0,18 por litro, em média.

  • Leia mais: Alta de preços da gasolina e diesel na bomba chega a 35,5% no ano, diz ANP

Para o diesel, a Abicom calcula uma defasagem de 9% nos preços no Brasil em relação ao mercado externo. O percentual é o mesmo medido na semana passada. A estimativa é de que o diesel está abaixo dos mercados internacionais em R$ 0,27 por litro, em média.

Recentemente, o presidente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna, afirmou que a estatal estuda os movimentos do mercado para avaliar se são estruturais ou conjunturais antes de realizar repasses ao mercado brasileiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *