Crise hídrica deve se refletir no risco hidrológico da Eletrobras, diz presidente

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

12/08/2021

O presidente da Eletrobras, Rodrigo Limp, disse nesta quinta-feira que a crise hídrica deve se refletir no risco hidrológico (GSF) da companhia nos próximos meses, bem como nos preços de energia no curto prazo.

O Preço de Liquidação das Diferenças (PLD) cresceu em junho e julho e deve se manter em alta pelo menos até o fim do período seco.

A Eletrobras fechou o segundo trimestre com lucro líquido de R$ 2,52 bilhões, uma alta de 396% na comparação com igual período do ano passado.

Segundo Limp, o resultado reflete as revisões tarifárias na transmissão e a estratégia de comercialização da empresa diante do aumento do PLD.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *