Confiança do empresário na economia cai após 4 meses seguidos de alta

14/09/2021

Confiança do empresário na economia cai após 4 meses seguidos de alta Brasil cresceu 0,60% em julho e acumula alta de 3,26% nos últimos 12 meses (Foto: Agência Brasil)

Nos primeiros 14 dias de setembro a confiança do empresário na economia caiu, segundo a Agência Brasil, 5,2 pontos e bateu nos 58 pontos. Os dados são do Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei), da Confederação Nacional da Indústria (CNI). Ele foi divulgado nesta terça-feira (14).

É a primeira avaliação negativa após 4 meses de alta. O índice em agosto passado foi o maior registrado no ano, com 63,2 pontos. Com os números de hoje, a confiança do empresário na economia retoma os patamares de maio desse ano. O dado negativo interrompe quatro meses seguidos de alta.

Por outro lado, a notícia ainda não é de todo ruim. Como o índice permanece acima dos 50 pontos, indica que os empresários ainda acreditam na recuperação. Abaixo dos 50 pontos, significa falta de confiança, segundo a metodologia. A queda em setembro mostra que o otimismo no setor se tornou menos intenso que em meses anteriores.

A Agência Brasil afirma que o levantamento ouviu 1.611 dirigentes entrevistados em empresas, das quais 635 de pequeno porte, 608 de médio porte e 368 de grande porte, entre os dias 1º e 13 de setembro.

Da Redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *