Combustível, energia e alimentos elevam previsão do mínimo para R$ 1.169,22 em 2022

A inflação também vai aumentar; sai dos 4,74% previstos para 6,63% no ano que vem

01/09/2021

Combustível, energia e alimentos elevam previsão do mínimo para R$ 1.169,22 em 2022 Comitê de Política Monetária começa a definir nova taxa Selic; anúncio será nesta quarta-feira (Foto: Agência Brasil)

A variação positiva da inflação fez o governo federal rever o valor do salário mínimo para 2022. Lei orçamentária que chegou ao Congresso nesta terça-feira (31) indica salário mínimo de R$ 1.169,22, pouco acima da previsão feita pela Le de Diretrizes Orçamentaria, que determina R$ 1.147,00. A informação é da Agência Brasil.

A manutenção do poder de compra do salário mínimo e assegurada pela Constituição Federal. As equipes econômicas têm se valido do Índice Nacional de Preço ao Consumidor (INPC) de um exercício para estimar o valor do exercício seguinte.

O INPC de 2021 estava previsto em 4,3%, mas o aumento dos preços dos combustíveis, alimentos e energia ele foi revisto e agora deve chegar a 6,2%. O governo informa também que, se a inflação for ainda maior, o valor do salário mínimo pode ter nova correção.

PIB

A previsão para o Orçamento de 2022 ficou praticamente a mesma que foi prevista pela Lei de Diretrizes Orçamentárias. A previsão passou de um crescimento de 2,5% para 2,51%. A previsão para a inflação medida pelo INPC permanece em 3,5%.

Por outro lado, a previsão para a inflação cresceu. Estimada em 4,74%, com a revisão, a expectativa é que ela fique em 6,63%. O aumento da taxa de juro (Selic) elevou a previsão. A previsão para o dólar médio foi mantida em R$ 5,15.

Da Redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *