China vê alta em casos de covid-19 em região afetada por novo surto

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

21/09/2021

A China registrou nas últimas 24 horas mais 42 novos casos de transmissão local da covid-19 na província de Fujian, uma alta em relação ao final da semana passada.

Fujian, no sudeste da China, é o epicentro do novo surto da doença no país. Os primeiros casos, provocados pela variante delta, foram detectados no último dia 10 em duas crianças.

  • Leia mais: Vacina da Johnson contra covid-19 apresenta eficácia real de 79%

Depois das rígidas restrições adotadas em algumas cidades da província, a Comissão Nacional de Saúde observou uma queda nos casos diários para cerca de 20. Mas o número voltou a crescer desde domingo, quando 48 contágios foram confirmados.

  • Leia mais: Pfizer e BioNTech: Vacina contra covid-19 apresentou resposta robusta em crianças entre 5 a 11 anos

Autoridades chinesas mantêm uma estratégia de “tolerância zero” contra a covid-19. Embora os “lockdowns” tenham sido bem-sucedidos em conter a disseminação do vírus, eles também prejudicaram a recuperação da economia no terceiro trimestre.

Os casos em Fujian surgiram pouco depois de a China conseguir um surto detectado em Nanjing, o mais grave registrado no país desde a descoberta do vírus na cidade de Wuhan, em dezembro de 2019.

Categorias:

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *