Carnes suína e de frango terminam outubro em queda

O resultado foi divulgado em nota pelo Centro de Pesquisas Avançados em Economia Agrícola (Cepea)

03/11/2021

Carnes suína e de frango terminam outubro em queda Abate de suínos cresce 7,6% no terceiro trimestre. (Foto: Divulgação)

Nota do Centro de Estudos Avançados em Economia Agrícola (Cepea), informa o site especializado CarneTec, afirma que o preço no atacado na Grande São Paulo das carnes suínas e de frango caíram em outubro, comparado ao mesmo período do mês anterior.

A nota avalia que a queda nos preços é motivada pela diminuição do poder de compra do consumidor, inflação elevada e limite de compra de animais pelos frigoríficos para o abate. Outro item que pesa é a desaceleração das exportações dessas carnes, que começaram o mês mais intensas do que terminaram.

Até sexta-feira (29) a carcaça suína especial caiu 6,37%, com média de R$ 9,85. Com o frango não foi diferente. O congelado caiu 3,11% a R$ 7,79 o quilo, com o resfriado sendo comercializado a 8,10 o quilo, uma queda de 1,94% no mês.

O CarneTec afirma que “que o poder de compra do avicultor paulista ficou mais elevado em outubro, em relação a setembro. Os preços médios do frango vivo ficaram estáveis em outubro enquanto os valores dos insumos usados na nutrição animal caíram”.

Da Redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *