Cai custo de produção de suínos e frangos, mostra Embrapa

A queda mais importante foi nos custos de alimentação dos animais

28/12/2021

Cai custo de produção de suínos e frangos, mostra Embrapa Menor oferta faz preço de aves e suínos crescerem no mercado interno. (Foto: Agência Brasil)

Pesquisa Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) mostra que os custos de produção tanto de frango como de suínos caíram em outubro, segundo a Central de Inteligência de Aves e Suínos (Cias), informa o site especializado CarneTec.

ICPSuíno, índice da Embrapa para essa categoria, mostra uma queda de 2,23% em relação a outubro, chegando a 380,55 pontos. Ela foi puxada pela desvalorização nas despesas operacionais com alimentação dos animais. Esse item representa 80% dos custos da produção de um suíno.

O Índice de preço do suíno obteve uma valorização de 1,43%, mas os últimos 12 meses, caiu 1,68%. O quilo do suíno vivo produzido em Santa Catarina e e R$ 6,65, ou 0,15% a menos do que em outubro, quando chegou a R$ 6,80.

Outra proteína animal que sofreu queda de custo para ser produzido é o frango. O Índice da Embrapa indica que frangos de corte tiveram uma queda de 1,38%, caindo para 397,57 pontos, levando os custos a cair 1,12% com nutrição e 0,31% na compra de pintos de um dia.

No entanto, no acumulado, em 11 meses de 2021, o índice subiu 18,02%, e nos últimos 12 meses, +15,05%.

O custo de produção do frango de corte vivo no Paraná, produzido em aviário tipo climatizado e

No Paraná, o quilo do frango produzido num aviário refrigerado, por exemplo, foi comercializado m novembro a R$ 5,14, aumento de R$ 0,7.

Redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.