Após China, Taiwan solicita adesão a acordo comercial do Pacífico

Testes, férias coletivas e outras medidas compõem o Plano de Contingência da empresa para prevenção, controle e redução de riscos de contágio

22/09/2021

Taiwan solicitou formalmente adesão ao Acordo Abrangente e Progressivo para a Parceria Transpacífica (CPTPP, na sigla em inglês), informou a agência estatal da ilha nesta quarta-feira (22).

  • Leia mais: Malásia elogia pedido da China para aderir a acordo comercial do Pacífico

O anúncio foi feito menos de uma semana depois de a China apresentar um pedido para entrar no acordo, um movimento visto como uma reação ao recente pacto militar negociado por Austrália, Estados Unidos e Reino Unido.

  • Leia mais: Confronto EUA – China ameaça comércio

O ministro da Economia de Taiwan, Wang Mei-hua, dará detalhes sobre a solicitação formal ainda hoje, informou a agência estatal. Na semana passada, ele havia expressado preocupação com a decisão “repentina” da China de ingressar no acordo.

Autoridades de Taiwan já vinham discutindo a adesão informalmente com os membros do bloco, concebido pelos Estados Unidos para ser um importante contrapeso à crescente influência da China na região. No entanto, o ex-presidente Donald Trump retirou os americanos do acordo, chamado inicialmente de Parceria Transpacífico (TPP).

Taiwan foi excluída de muitas organizações internacionais por causa das pressões da China, que considera a ilha como parte de seu território e não um país soberano.

Categorias:

Tags:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *