Alta na produtividade será necessária para atender mercados interno e externo

As exportações ultrapassarão a marca de 3 milhões de toneladas entre 2025 e 2030

08/06/2022

Alta na produtividade será necessária para atender mercados interno e externo Para atender aos mercados externo e interno, produtividade deve aumentar 45% em 8 anos. (Foto: Pixabay)

A produtividade média da pecuária brasileira precisará aumentar em cerca de 45% dentro de 8 anos para que a produção nacional de carne bovina possa atender às demandas externa e interna projetadas para 2030. As informações foram divulgadas no relatório Beef Report 2022, da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec) e publicadas pelo site CarneTec.

Em relatório publicado no dia 1º de junho no site da Abiec, a entidade disse: “No cenário mais conservador, as exportações de carne bovina brasileira ultrapassarão a marca de 3 milhões de toneladas entre 2025 e 2030. Para garantir o atendimento do mercado interno e externo, a produção de carne precisará aumentar 35% entre 2020 e 2030 (…) Esse aumento só será possível com um incremento de 45% na produtividade média da pecuária brasileira.”.

O relatório fortalece números, informações e projeções da consultoria Athenagro, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e do Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE).

A expectativa da Abiec é que as exportações brasileiras de carne bovina batam um novo recorde em 2022, alcançando um faturamento de dois dígitos pela primeira vez na história, segundo o presidente da entidade, Antonio Jorge Camardelli, em mensagem divulgada no relatório. No último ano, o faturamento foi de US$9,2 bilhões.

 

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

code