Abate de suínos aumenta 17,7% em três anos, informa IBGE

Apenas nos primeiros três meses de 2021 foram abatidos 12.622 animais

29/07/2021

Abate de suínos aumenta 17,7% em três anos, informa IBGE Organização Internacional de Saúde Animal alerta para a chegada da Peste Suína Africana (Foto: Divulgação)

Pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) mostra aumento no abate de suínos no primeiro trimestre do ano. O acompanhamento deste mercado é realizado pelo Instituto desde 2018. No período da pesquisa, no último triênio, houve um aumento de 17,7% em relação aos anos anteriores.

Nos três primeiros meses deste ano, foram abatidas 12.622 milhões de cabeças – um aumento de 0,6 ponto percentual em relação aos três meses anteriores, e de 5,7% comparado aos primeiros três meses de 2020. O recorde do período foi no 3º trimestre de 2020. Mesmo com aumento no número de abate neste ano, ele foi 0,9% menor do que o registrado nos três melhores meses de 2020.

O IBGE registra que a pesquisa é feita nas plantas que estão sob a fiscalização sanitária federal, estadual ou municipal. O abate clandestino não é estimado nem investigado pelo Instituto.

(Fonte: IBGE)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *